Menu de páginas
RssFacebook
Menu categorias

Postado por em 14/07/2016 em Postagens | 0 comentários

Pensamentos negativos

Nossos pensamentos sobre as coisas, as pessoas que nos cercam e sobre nós mesmos afetam diretamente nossa qualidade de vida, nossa rotina e nosso humor. Atualmente, há quem diga que os pensamentos deixaram de ser uma dádiva do ser humano para se transformarem em um dos males da sociedade – especialmente quando se trata dos pensamentos negativos com um fluxo muito intenso. Controlar esse fluxo de pensamentos não é nada fácil para uma pessoa, ainda mais se ela estiver enfrentando problemas na sua vida pessoal ou profissional.

Pensamentos negativos

A força dos pensamentos negativos

 

As pessoas são movidas a pensamentos, e em meio a todas essas informações que temos tão fácil e em todos os lugares feito um bombardeio, nossa mente nunca consegue parar de produzi-los.

Você está o tempo todo pensando nas coisas que precisa fazer, que já fez e que planeja fazer; e a mídia o faz pensar ainda mais sobre as coisas que acontecem no mundo, como um terrível terremoto que houve no Japão, o filho da sua vizinha que desapareceu ou a roupa que a rainha da Inglaterra usou no evento do dia anterior.

E quando pensamos e alimentamos muitos pensamentos ruins sobre todas essas coisas, automaticamente atraímos coisas nada boas para dentro de nós.

Por exemplo, se você pensa praticamente o dia todo sobre algo que o faz mal ou que você está triste, seu humor sempre estará ruim e você se sentirá para baixo. E se esse estado de espírito se repetir por muito tempo, você ficará ainda mais preso ao medo, à insegurança, à ansiedade e cada vez mais propenso a crises e ataques de pânico. É um ciclo e você precisa ter muita força e tentar ao máximo se manter firme em um momento desses.

Mudança de atitude mental

É importante, em primeiro lugar, aprender que os seus pensamentos não possuem vida própria e não surgem sem mais nem menos, tampouco se fincam em sua mente porque são malvados e querem fazê-lo sofrer. Pensamentos e sentimentos não têm consciência alguma, são pura abstração que… adivinha só: nós mesmos criamos.

Portanto, a mudança deve partir de dentro de nós para alterar a orientação do nosso fluxo de pensamentos. Escutar músicas tristes, assistir a filmes de drama ou estar ao redor de pessoas que estão presas em suas próprias angústias podem ser atividades completamente tóxicas à nossa saúde mental e, consequentemente, aos nossos pensamentos.

Nós agimos conforme nossos princípios e opiniões que se originam dentro de nossa mente; então, é óbvio que se manter ao lado de pessoas depressivas ou ambientes “carregados” irá atingir nossa qualidade de vida e influenciar nossas ações e decisões.

Para afastar esses pensamentos negativos da sua mente, é preciso ocupá-la com atividades que causem ao menos um pouco de prazer e que exijam bastante do seu corpo e mente. Talvez não seja tão simples levantar da cama e começar a fazer tudo o que você quiser para distrair a mente, mas faça o mínimo de esforço, pode valer muito a pena!

A importância da atividade física

A principal atividade recomendada para frear esses pensamentos é o exercício físico. Por incrível e mais óbvio que pareça, manter todo o seu corpo em ação pode fazer uma faxina na sua mente e, de quebra, ainda melhorar a sua concentração, qualidade de sono, alimentação e manter seu corpo exausto, precisando de repouso e aproveitando esse repouso.

Evitar críticas e reclamações vazias

Evitar reclamações também ajuda bastante, pois reclamar de tudo e de todos pode, inconscientemente, alimentar os pensamentos negativos que o assombram.

Cultive bom humor

Por fim, talvez a atividade que mais possa levar para longe a tristeza e pensamentos ruins é a risada! Frequente comédias em teatros ou assista a algum filme de comédia, mantenha-se perto daquelas pessoas que saibam como fazê-lo rir – é um método infalível para mandar qualquer pensamento ruim para bem longe.

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *